EXTENSÃO ACADÊMICA: UMA APOSTA PELA DEMOCRATIZAÇÃO DO CONHECIMENTO

Alcides Leão Santos Junior

Resumen


Estuda-se a extensão acadêmica como um dos elementos que fomenta o diálogo entre a Universidade e a sociedade. A extensão acadêmica é produtora de um conhecimento concretizado a partir das experiências em que os sujeitos se revezam nos papéis de produtor e difusor de conhecimentos, e, quando são construídas numa relação dialógica, outros conhecimentos nascem e passam a circular e cria possibilidades de ser testado e de ter agregado a eles novos valores. Assim, discutir a extensão acadêmica como produtora de conhecimentos requer refetir sobre a interrelação Universidade e Sociedade via educação e práxis social tendo como eixo a
autonomia dos sujeitos. Trata-se de uma pesquisa teórica com base nos estudos de Boaventura de Souza Santos e de pesquisa documental. Vislumbra-se que na extensão
acadêmica a produção de conhecimentos é fruto de interações sócio-cultural que evidenciam processos cognitivos válidos que se apóiam numa conjunção de saberes/conhecimentos provisórios, mas não fragmentados ou descontextualizados produzindo assim sujeitos autônomos e capazes de inferir modifcações nos espaços geo-sociais.
Assim, quando compreendida enquanto processo formativo ela permite aos sujeitos à
superação de uma teoria de concretude e fnitude dos processos históricos humanos que acontecem numa relação de diálogo que conduz a autonomia.

Palabras clave


Extensão acadêmica; Universidade; Universidade e sociedade; Produção de conhecimento; Educação e formação

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.35305/rece.v0i5.52

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


-------------------------------------------------------

Revista de la Escuela de Ciencias de la Educación
Facultad de Humanidades y Artes (UNR)
Entre Ríos 758 2000 – Rosario (ARGENTINA)

Contacto: revistacseducacion@gmail.com / comiteeditorial@gmail.com

ISSN 2362-3349 (edición electrónica)

ISSN 1851-6297 (edición papel)